07/03/2018

Conto: Epílogo

Título: Epílogo
Autor: Raigor Ferreiraa
Editora: Publicação Independente
Nº de páginas: 14
Ano de publicação: 2017
Minha Avaliação: ♥ ♥ ♥ ♥
Skoob: Adicione
Onde comprar: Amazon

Olá, queridos! Primeiramente eu gostaria de pedir desculpas pela minha ausência, Tia Milas tem pecado bastante com todos vocês. Vou tentar melhorar, mas não farei promessas vazias, ok? Segundo, eu já devia ter vindo escrever sobre esse conto há bastante tempo, mas as bads da vida andaram me boicotando.

Epílogo é aquele conto que vai mexer com seu imaginário, e te levar para o mistério da pós-vida. O que nos aguarda? Como reagiremos? Lembraremos do que éramos? De fato, só saberemos no momento certo. Mas muitas são as experiências de quase-morte, muitos são os relatos que temos de "luz no fim do túnel", de seres celestiais (ou não) que nos aguardam. E o personagem principal desta história, o Daniel, está experimentando pela primeira vez sua quase-morte. Será que ele está pronto para o adeus?

O primeiro contato que tive com a escrita do Raigor foi através do conto O Príncipe Congelado, onde o comparei com meu autor favorito da vida, o Neil Gaiman; aqui, eu venho reafirmar essa comparação. Assim como Gaiman, Raigor tem facilidade em transitar entre temas distintos e com um foco de público totalmente diferente também. Admiro bastante essa versatilidade e estou ansiosa para as próximas obras do autor, que além de escrever muito bem, é um amor de pessoa.

O tema da história me atraiu bastante, afinal minha personagem favorita da vida é a Death of Endless (Morte do Perpétuos) da obra Sandman (sim, do Neil Gaiman, a fangirl, podem me julgar). Tenho um certo fascínio pelas faces que nós damos à morte, como são as visões de Paraíso e Inferno nas mais diversas crenças. Raigor descreve a jornada de Daniel, nos mostrando um pouco de onde ele veio e para onde ele vai.

Talvez esse conto não seja para todas as pessoas, ele com certeza vai fazer você pensar e repensar sobre o que acredita, e se sua fé não for forte o bastante, até talvez possa te fazer vacilar e duvidar. Foi uma leitura rápida e envolvente, e definitivamente eu apreciei e recomendo.

Resenha em vídeo:



5 comentários:

  1. Olá,
    Ainda não conheço o trabalho do autor e fiquei curiosa.
    Já li varias criticas positivas sobre o trabalho de Neil Gaiman, mas não lembro de ter lido nenhum de seus trabalhos.
    O tema tratado no conto não é algo que costumo ler, mas as vezes é bom sair da zona de conforto e ler assuntos diferente.
    Vou procurar pra ler.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Milas.

    A trama criada pelo Raigor em nos trazer um personagem com essa experiência pós morte, é fascinante. Nos dá a oportunidade de ter uma noção de como seria esse acontecimento, estando nós no lugar do Daniel.

    ResponderExcluir
  3. Wow a escrita do autor deve ser maravilhosa já que você comparou ele com o mestre Neil Gaiman Com certeza vou dar uma conferida no trabalho desse autor

    ResponderExcluir
  4. Como gosto de contos,e sobre o assunto abordado,creio que assim como você, vou gostar bastante desse livro.
    E mais curiosa ainda fiquei,em você ter comparado o Raigor com o seu autor favorito.
    Sendo assim, não tem como não ficar bastante curiosa em conhecer a escrita do autor.

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Não sou muito de contos, mas alguns que li adorei bastante. Esse tem uma premissa muito boa e uma historia bem envolvente. Gostei ainda você fazer comparação e deixa o leitor ainda mas curioso.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir

Nos diga o que achou:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...